A perda


Tumblr_lngidnk91l1qbqb84o1_400_large

A vida é realmente surpreendente e por muitas vezes eu já fiquei sem palavras pra mesma. Mas, ela vem passando de todos os limites. Não posso questionar se isso foi destino, ou, se todas aquelas vidas tinham um prazo pra acabarem justamente juntas, no mesmo lugar, pela mesma causa e deixando uma profunda dor pra todos, aos que os amavam e até mesmo aqueles que nem os conheciam. Porque a gente sente, por mais que eu não compartilhava de alguns sonhos, ou, nem ao menos era a melhor amiga de um daqueles jovens, eu senti. Seria injusto dizer que me coloquei no lugar de uma mãe, de uma amiga, ou, de uma namorada, mas eu senti.  A dor deles não se compara, não se explica, nem se ameniza.

Imaginei por diversos momentos, o que eu faria se fosse alguém próximo a mim? O que eu sentiria se eu tivesse deixado pra trás meus amigos e tivesse saído daquele lugar? Qual seria o tamanho do meu desespero ao tentar sobreviver e não ter nenhuma chance? Na verdade, eu ainda me torturo ao imaginar isso e por mais que eu não deva pensar em algo assim, eu imagino o tamanho da minha dor se alguém que eu amo tivesse o término da vida naquele lugar. Eu apenas imagino, eles sentem.

Culpar alguém não vai resolver o que aconteceu. Não vai trazer todas as vidas, os sonhos, os sorrisos, os abraços e os planos de volta. Culpar não vai aliviar a dor da ausência, da saudade. Culpar, não vai te deixar mais forte e te fazer evitar as lágrimas. Infelizmente aconteceu! O que nos resta é torcer para que isso jamais se repita.

Hoje, eu acordei dando mais valor pra minha vida, pra todas as pessoas que estão do meu lado. Sei que não necessitava isso para que eu entenda o grande risco que corro todos os dias e para perceber que amanhã eu posso não ter forças para escrever tais palavras e que alguém que tanto amo, pode ir pra longe de mim. Sei que não precisa minha mãe me encher de recomendações toda vez que eu saio para uma festa, mas ela tem lá seus motivos, eu posso não voltar, como muitos jovens não voltaram na madrugada de domingo.

O meu Rio Grande do Sul está em luto, a terra de céu azul transformou-se em um manto cinza, onde a dor ecoa em cada canto desse pago. Achei que não aconteceria algo assim por aqui, um povo tão “forte, aguerrido e bravo”, hoje está frágil, com os olhos cheios d’água e o coração repleto de um sentimento ruim, "a perda".

Texto referente a tragédia ocorrida na cidade de Santa Maria - RS, no dia 27/01/2013, onde 233 pessoas morreram e mais de 100 ficaram feridas, a maioria jovens, após incêndio em uma boate. É apenas um desabafo, não me venha com palavras toscas sobre o assunto, se você não tem sentimento, respeite quem tem.
Comentários
11 Comentários

11 comentários:

  1. Foi uma tragédia mesmo, muitos sonhos acabaram naquela boate. É triste ler e ver notícias sobre esse assunto. Não tenho palavras para falar nada sobre isso, é triste. :/
    Beijão ju <3

    @keithpappen
    www.detalhesamor.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Keith, cada vez é mais doloroso ver as notícias, ver as famílias e amigos desesperados. Sem palavras mesmo. :/

      Beijão. ♥

      Excluir
  2. Infelizmente acordei ontem com essa terrível notícia. Uma menina da minha cidade se foi. O NOSSO RIO GRANDE hoje chora, não há palavras para expressar a dor. Não conhecia aquelas pessoas, mas mesmo assim meu coração dói e as lágrimas insistem em cair. Penso que poderia ser os meus pais naquela fila, naquela angústia. Que Deus ilumine e conforte todos esses corações que chorar, porque o Sul está de luto, 233 vozes se calaram ao cantar o nosso hino. Mas, somos um povo forte e guerreiro, iremos passar por isso, com certeza. Porque Deus é gaúcho...
    Beiijos.
    http://cartasp-voce.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Penso exatamente igual Duda. As vezes peco em achar que tudo está tão bem, que nada vai me acontecer e que sempre vou voltar pra casa segura. Sei que temos que ter o pensamento positivo frente a isso, mas a vida passa em segundos e acaba quando bem entende. É muito triste e doloroso ver o sofrimento de cada família e imaginar que podia ser a nossa naquela situação.

      Deus é gaúcho mesmo. õ/

      Beijão ♥

      Excluir
  3. Muito triste! E já que não podemos fazer muito coisa diante de um fato tão triste, deixamos escrito a nossa dor, os nossos sentimentos a todas os familiares e amigos das vítimas.

    Abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo Lu, essa foi a melhor forma que encontrei.
      As palavras são sempre um bom consolo.

      Abração!

      Excluir
  4. Lindas palavras, Juliane. Não só o nosso querido Rio Grande, mas todo o país esta frágil e emocionado com esse terrível acontecimento, e concordo que em nada adianta culpar alguém. Agora só nos resta pedir a Deus para abençoar tanto os que partiram quanto os que ficaram.
    Beijo♥

    http://menina-do-sol.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Vitória, foi uma tragédia que comoveu o mundo, infelizmente o nosso RS teve o um foco não muito agradável, mas a cooperação de todos faz com que isso se torne um pouco menos doloroso.

      Beijão!

      Excluir
  5. Joana Silas29/01/2013 11:23

    Que triste isso, chocou o mundo. ;///

    ResponderExcluir
  6. Ju, às vezes é dolorido demais presenciarmos alguns acontecimentos. E aceitar que a vida pode ser tão dura a ponto de levar tantas pessoas ao mesmo tempo de uma maneira trágica. Não é cabível algo assim, ao menos imaginamos. Mas tudo está além do que supomos. Não é cabível entendermos. Duro é aceitar. Mas é preciso. A gente se solidariza, se encontra no coração de cada um que perdeu alguém querido. Ficamos fragilizados também. E não compreendemos. Tentamos a todo custo. Não dá. O choro é coletivo. Porque somos humanos. Somos da mesma carne e espírito...

    Que muita paz e conforto chegue aos corações dessas pessoas tão machucadas pela dor da perda. E que tenhamos mais consciência da vida e saibamos valorizar quem está perto de nós.

    Beijo!

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem vindo.
Mas não esqueça, aceito suas palavras se você aceitar as minhas.

Att. Juliane Bastos


Designer por Juliane Bastos e Pâmella Ferracini exclusivamente aos 3 anos do blog.