Luah

7251732482_c6ae8a5522_c_large 

Luah, 22 anos e apaixonada pela vida

Para quem a conhece, Luah é aquela típica menina do interior. Cheia de sonhos e sem medo algum de enfrentar todas as dificuldades que possam aparecer no seu caminho. Garra, força e determinação, fazem parte do seu nome.

Mas, ela é mais do que um rosto bonito, ou um corpo muito bem desenhado. Ela tem uma beleza rara e a mesma está habitada em seu coração. Ela foi feita de sonhos e moldurada de alegria.

Por mais que a tristeza seja algo comum em muitos olhos, nos de Luah ela é comum não aparecer. Com um bom humor que deixa muitos boquiabertos, ela faz do seu sorriso sua principal característica. E isso encanta a todos ao seu redor.

Luah, veio do amor mais puro que alguém pode sentir. Aquele amor que muitos sonham em ter e que muitas vezes só encontramos em palavras e nunca sentimos. Um amor que sobreviveu as dificuldades e obstáculos do tempo. Um amor que foi escrito para ser único e inspirador.

Aos doze anos, ela percebeu que seus sentimentos tinham vidas. Com o incentivo absoluto de sua mãe ela começou a escrever tudo que seu tão complexo coração sentia. Assim, ela foi deixando sonhos em palavras, desejos em frases e um amor em cada parágrafo.

Com palavras contagiantes, ela é repleta de amigos, aos quais ela faz questão de sempre ter ao seu lado, para que cada um tenha a certeza do quanto são significantes em sua vida. Pois, ela necessita de cada um para que sua história seja merecidamente bem escrita.

Grande admiradora das coisas simples e apaixonada pela cultura do seu estado, Luah não admite deixar suas raízes de lado e criar uma personagem onde não foi criada. Observadora e detalhista, ela tem seus olhos como seu fiel amigo e não deixa nada passar despercebido.

Por fim, ela é daquelas raras garotas que não querem somente esperar pela felicidade, ela vai em busca da mesma, não importando o quanto cada curva seja perigosa, ou quanto ela demorará pra encontrar. Ela segue em frente sempre e permite-se poucas vezes olhar pra trás.


Algo que lhe acompanha sempre é: 
"Por mais que cada escolha seja difícil, escolha. 
Por mais que cada não seja duro, diga não. 
Por mais que a saudade seja dolorida, permita-se sentir. 
Por mais que sua vida seja complicada, viva-a. 
Você tem poucas chances para ser feliz, então não as desperdice."                                                                                    (L.)


Esta história faz parte da Tag Maias.
Comentários
14 Comentários

14 comentários:

  1. Adorei a história, linda demais.
    As palavras me fizeram realmente imaginar esta pessoa.

    http://justpaulablog.blogspot.com.br
    @justpaulla

    ResponderExcluir
  2. Que linda a história, lendo-a parece que você foi contado um pouco da sua vida através da personagem. Na verdade, mesmo a personagem sendo uma menina tudo o que você escreveu se parece é com a minha vida. Sou apenas um garoto do interior que sonha e usa as palavras para descrever esses sonhos, no entanto, ele vai a luta para realizar todos os desejos...

    Lindo.

    Bjs!

    ResponderExcluir
  3. Oi Juh. Que personagem maravilhosa! As características estão bem descritas. Texto lindo *---*

    Também adorei conhecer aqui e já sigo.
    Bjs!


    http://achocute.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Amei a personagem, cheia de encantos, amor puro.
    Simplicidade, beleza interior.

    Precisamos de sentimentos assim para nos sentirmos pessoas melhores.

    Beijos.

    http://luzia-medeiros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Belo texto, me identifiquei muito com as características da personagem. Vi muito de você nela *.*

    ResponderExcluir
  6. Tão lindo, tão Juu.. Acho que o nome não poderia ser outro pois ela tem o brilho e encanto de uma Lua, ela tem aquela simplicidade, persistência de clarear uma escuridão. De se destacar em meio a muitos. Acho que a Luah, é o segundo nome da Juliane Bastos, afinal ambas tem essa luz que eu falo, a luz que ilumina, que guia, que encanta.

    A simplicidade da menina de interior, se junta com a força da mulher que busca por seus sonhos, passando por cima de todos os obstáculos para enfim, conseguir oque deseja. Ela tem a beleza que todos enxergam, bonita exteriormente mas também tem aquela beleza rara, de coração bom, beleza interior que poucos tem capacidade de ver, ela é feliz e essa é principal beleza. Não há dificuldade capaz de tirar o sorriso de seus lábios, e isso é belo. Tristeza não tem vez em seu coração, ela tá sempre bem e feliz consigo mesma. Ela conquistou o dom de escrever, ela sabe expor o que sente, oque pensa em palavras, simples textos e isso é lindo e a deixa ser única. Luah, é uma grande escritora. Ela sabe ser amiga por isso é muito querida e tem muitos amigos por perto, ela com toda certeza constroí uma linda história com todos ao seu lado. Ela quer ser feliz e ela pode, porque nada irá lhe impedir pois acredita em sua capacidade de em ir busca de sua felicidade, pois a felicidade não vai vim até ela e ela sabe disso.

    Tudo isso que notei na Luah, eu vejo na Juu e com isso eu como toda certeza admiro essa linda personagem, porque eu sei que num detalhe dela ou em muitos, tenho um pouco de quem a escreveu e isso eu sei que é verdadeiro. Juu e Luah, são a mesma. A mesma guerreira, a mesma mulher, o mesmo amor e mesma história. E eu amo elas porque eu encontrei minha amiga nos minímos detalhes e que essa história por ser uma das mais verdadeiras é muito incrível.

    Parabéns gaúcha, por passar tanta verdade, tanto sentimentos nas tuas palavras. Amo você.

    ResponderExcluir
  7. Que lindo, Juliane. Coloquei lá no meu facebook o finalzinho (com os devidos créditos, claro ;) ). Luah é tão, tão inexplicável. Sei lá o que pensar. Algumas vezes sou bem parecida com ela, e acho que a tendência é me parecer mais e mais. As coisas estão mudando e eu também quero sair de meu mundinho para viver o todo. :)

    http://gabipuppe.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Carla Montes03/06/2012 06:28

    Que personagem encantadora.
    Queria ter muito da Luah.
    Parabéns Ju.

    ResponderExcluir
  9. Que lindo o texto Juu! *o*
    Vi muitas características minhas na Luah e adorei a frase "ela tem seus olhos como seu fiel amigo e não deixa nada passar despercebido".
    Beijinhos!!

    blog-meninama.blogspot.com

    ResponderExcluir
  10. Tô seguindo aqui, dá uma passadinha no meu blog? :)
    http://strawberrycupcake-rafa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Que personagem incrível você criou auqi Ju. Inspiradora e daria um belo conto com sua história. Fiquei com vontade de ler mais agora. Pense sobre isso, certo? Enfim, sou suspeita pra falar que você é demais. Então, vou me retirar nesse momento. ~acena~

    Beijos,
    Monique <3

    ResponderExcluir
  12. Cara autora. Eu já ouvi uma história parecida, mas a certeza é algo complicado. Os maias pelo que me recordo não tinham a distinção de estados, eram regiões. Gostei do início, espero que você continue. Parabéns.

    ResponderExcluir
  13. Há tempos não venho aqui e quando enfim, resolvo aparecer deparo-me com um esplendor de palavras simples e singelas. Luah , um texto que por inteiro, até as entrelinhas conseguiu me descrever " Luah é aquela típica menina do interior. Cheia de sonhos e sem medo algum de enfrentar todas as dificuldades que possam aparecer no seu caminho." Sim , sou do interior e ainda assim , sou apelidada Lua '. Lindo demais seu texto. Como sempre, de parabéns Ju :) '

    ResponderExcluir
  14. Seria legal se a Luah fosse vítima da Antonella.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem vindo.
Mas não esqueça, aceito suas palavras se você aceitar as minhas.

Att. Juliane Bastos


Designer por Juliane Bastos e Pâmella Ferracini exclusivamente aos 3 anos do blog.