Depois dos vinte


"Não posso me reter somente aos ditos, mas só hoje eu entendo o que muitas pessoas insistem em dizer. Realmente, o tempo muda a gente."

Depois dos vinte eu aprendi que por mais que as festas sejam boas, o melhor lugar é a nossa casa, o nosso canto, o nosso aconchego. Eu aprendi que nosso coração vai ser machucado várias vezes, vai custar, mas vai se recuperar de todas elas e vamos continuar achando que o amor é o melhor sentimento que existe. "Mas, não é?"

Aprendi que os melhores amigos irão embora e os mesmos te provam que a distância é só um mero detalhe e sempre que possível eles se fazem presentes. Aprendi que pai e mãe carregam com si uma sabedoria única e por mais que a gente tente "bater o pé" e contrariar os mesmos, no fim eles quase sempre estão com razão. Afinal, eles já passaram por caminhos parecidos.

Aprendi que não tem nada mais encantador que aquele pôr-do-sol bem acompanhado, ou, aquela noite de lua cheia, repleta de inspirações. Aprendi que as músicas antigas são as melhores, pois só elas são capazes de nos fazer voltar no tempo sem ter que sair do lugar. Só esses momentos nos permitem ter total orgulho de tudo que passamos.

Aprendi que devemos registrar todos os momentos vividos, seja em forma de fotografias, palavras, ou, até mesmo através da escrita. Pois logo ali a saudade vai bater e seu coração vai precisar relembrar o que passou e pode ter certeza ele vai te cobrar o porquê certo detalhe não está no grupo dos momentos que valeram a pena.

Aprendi que algumas cicatrizes são necessárias, para nos alertar por onde não devemos passar novamente. Aprendi que amores são diferente de paixões e que muitas vezes a solidão é a melhor companhia. Mas, que só por muito tempo nos torna um ser que não consegue se achar na multidão.

Aprendi que muitas vezes necessitamos que alguém nos entenda, para nos explicar como somos e o que devemos fazer em caso de total desespero. Que por mais que a gente abra o peito pra dizer que nos conhecemos, lá no fundo cada um de nós tem segredos de si próprio.

Aprendi que depois dos dez, depois dos dezessete, depois dos vinte eu comecei a descobrir em mim uma pessoa diferente, alguém que não consegue se habituar com o comum e que sempre tem que ter algo novo para mover seus dias. Sei que daqui um tempo, talvez depois dos trinta eu estarei diferente do que estou hoje e assim consecutivamente, até o fim, até eu aprender de fato o porquê estamos aqui.
Comentários
31 Comentários

31 comentários:

  1. Aprendemos e crescemos. A vida nos embala. Os passos conferem a saúde necessária para fortalecermos os olhares e os pensamentos. A vida se veste com um tecido mais firme, resistente. Aprendemos a saborear as verdadeiras nuances, jamais vistas quado éramos crianças. A gente evolui dentro de nós mesmos, e vai se conhecendo de pouco a pouco, intuindo os tesouros que guardamos no peito. Percebmos que sempre há de ter pistas escondidas no íntimo, mostrando as rotas para a nossa própria alma. Viver é um eterno descobrir-se.

    Lindo texto Ju!

    Beijo carinhoso!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como é bom escrever algo e depois ler um comentário assim, sabendo que o leitor entendeu exatamente o que queremos passar. Realmente viver é um eterno descobrir-se Alexandre.

      Obrigada! Beijos.

      Excluir
  2. Rosana Pereira de Almeida10/04/2013 14:15

    Concordo! Principalmente que a família é a base de tudo. Aprendi a valorizar mais meus pais depois que tive minhas filhas...Refleti contigo! Texto bem escrito( agora é o meu lado professora que analisou!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Rosana, a mãe sempre me diz isso: "Quando tu tiver teus filhos, tu vai me entender." rsrs Como é bom ler teu comentário aqui, ainda mais sendo de uma professora. Obrigada! :)

      Excluir
  3. Rosana Pereira de Almeida10/04/2013 14:17

    Concordo! Principalmente que a família é a base de tudo. Aprendi a valorizar mais meus pais depois que tive minhas filhas...Refleti contigo! Texto bem escrito( agora é o meu lado professora que analisou!)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é Rosana, a mãe sempre me diz isso: "Quando tu tiver teus filhos, tu vai me entender." rsrs Como é bom ler teu comentário aqui, ainda mais sendo de uma professora. Obrigada! :)

      Excluir
  4. Só discordo de uma coisa: acho que o amor é tudo de lindo. Porque ele tem vários lados, jeitos, e formas de se revelar em nossas vidas. Nos machucamos sim, mas e daí? Só crescemos com as experiências não acha? O teu texto está muito lindo moça. Parabéns por ter 20 eu tenho 19. Muito prazer me chamo Fernanda

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente analisando o que você escreveu, eu me vejo no direito de concordar.
      Obrigada pela visita e pelas palavras. :)
      Beijos :*

      Excluir
  5. Muita coisa parece mudar depois que fazemos 20 anos ne...eu ainda estou meacostumando com essa nova fase e ja estou faznedo 23 rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, a cada novo ano, novas mudanças. *-*

      Excluir
  6. Oi Juliane, também sou colunista do blog RDP.
    Nossa, sem querer passei um tempo lendo suas postagens e adorei. Porque encontrei uma pessoa tão apaixonada por sentimentos quanto a mim. Parabéns pelo blog (e ainda pq completou 3 anos!) e parabéns pela sua escrita. Realmente é muito tocante.
    Já estou curtindo a sua página com o meu perfil pessoal e também vou curtir com a minha página.
    Beijos e bem, sucesso pra nós lá no blog também =)

    Miragem-real.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Como é bom ler isso Maria, fico feliz de ter você como nova leitora daqui do blog. Visitei teu cantinho e amei, sucesso pra nós sempre.

      Beijos :*

      Excluir
  7. Adorei. Gostaria que fizesse um falando sobre depois dos teus 15 tbm. hihih bjuuuuuuuuuuu dona ju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou anônimo.
      Ah, depois dos meus quinze não tenho boas lembranças. dohaoihdih'

      Excluir
  8. Oi Juliane , assim como a Maria acabei de conhecer aqui . Li dois post nao vou mentir kkk mais adoro blog's de textos intelogentes! se puder visitar ficarei grata . Estou seguindo se quiser : QUASEPRINCIPA | BLOG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah Vanussa, fico feliz com a sua visita.
      Seja bem vinda. :)

      Excluir
  9. ai que texto lindo ... me emocioneiii ...

    faço 21 semana que vem rsrs

    amei seu blog e já estou seguindo , estarei sempre por aqui .
    bjossss

    http://caprichodemulheres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Lí.
      Que teus 21 te traga muitas coisas boas.

      Beijos e obrigada pelo carinho. :)

      Excluir
  10. Jubs, como está lindo aqui! ♥
    Eu nem te desejei parabéns pelo blog, mas... PARABÉNS (atrasado, anyway).
    Enfim: a gente aprende pra caramba com o tempo, realmente. Isso é normal, e é lindo! Eu considero erros lindos, talvez mais do que os acertos. Porque com o erros e as decepções nós aprendemos humildade, respeito, admiração por quem já trilhou tal caminho... *suspiros* Lindo isso.

    Beijos, querida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Miiiiiiiiiiiiiiiia, muito obrigada! ♥
      Concordo plenamente contigo e sou grata aos meus erros por terem me ensinado tanto. A vida é feita dessas coisas que nos empurram pro chão, mas que a gente insiste em ficar 'dimpé'. Obrigada pela visita.

      Beijos. ;*

      Excluir
  11. Depois dos vinte tudo muda, a forma de pensar e agir, os sonhos de elevam, mudam de rumo, há sempre um novo querer. Há mais responsabilidade, mais vontade de transformar tudo, de encontrar o caminho mais seguro.

    Lindo texto!

    Beijo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sabe Lu, eu achei que nunca chegaria nessa fase, mas só hoje percebo o quanto muita coisa era futilidade e que o bom mesmo é viver assim.

      Obrigada! :*

      Excluir
  12. depois dos vinte muda tudo,ainda n cheguei mas agosto ta vindo ai ,ai realmente vou ver a vida com outros olhos
    adorei aqui
    bju

    http://aieuvivantagem.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verá mesmo Jamille e é bem melhor.
      Aproveite tuuuuuuuuuudo. \õ/

      Beijos. :*

      Excluir
  13. O tempo amadurece a gente, nossas ideias, nossos sonhos, nossos desejos. Cada ano é uma mudança. Dizem que depois dos vinte tudo muda, assim como depois dos trinta, dos quarenta (...) não sei ainda, por enquanto só anseio minha maioridade. rs
    http://denovomaisumavez.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Gabi. Toda menina sonha com seus quinze, eu sempre sonhei em fazer dezoito, sempre achei que tudo realmente iria mudar, mas não houve muitas mudanças não. Hoje, com 23 eu percebo que os meus vinte e poucos anos me mudaram e tenho certeza que a cada ano será mais e mais mudanças.

      Beijos :*

      Excluir
  14. Que texto mais lindo, ao passar dos anos vamos mudando. Coisas novas vão aparecendo, sentimentos novos se fazem presentes e cada dia. De tudo isso tiramos aprendizados e a certeza de que tudo que vivemos e aprendemos vale muito a pena.

    O mais incrível, que ao ler esse texto vejo a Ju em cada parte, seus amadurecimentos, seus erros, acertos e mais importante seus sentimentos.
    Texto encantador, como você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade Mine e eu sou muito grata pelo tempo ter me mudado, pelos erros terem me ensinado muita coisa e pelas palavras não compreendidas terem me feito refletir.

      As mudanças são necessárias, por mais que sejam difíceis.
      Obrigada pelo carinho de sempre. ♥

      Excluir
  15. Crescer é nossa finalidade no existir, Ju. Amadurecer talvez seja a mudança na forma como enxergamos o que fomos, fizemos, deixamos. O aprendizado é uma porção de experiências frustadas ou bem sucedidas que solidificam o chão do futuro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente isso Dé, sem tirar, nem por.
      Por mais que muitas pessoas acham que esse crescimento, amadurecimento e aprendizado um pouco fora de lugar, eu sempre sigo aquilo que tudo tem seu tempo e suas fases.

      Beijos :*

      Excluir
  16. Boa noite Juliana, como esta ? rs

    Estava procurando palavras para reflexão e achei seu texto Lindo mesmo e realmente auxiliar ao meu momento.

    Acabei postando-o em meu blog por esse motivo, e espero que nao veja nenhum mal. Caso deseje ve-lo, ca esta: http://www.bdcontos.blogspot.com.br/

    Obrigado pela atenção.

    ResponderExcluir

Seu comentário é sempre bem vindo.
Mas não esqueça, aceito suas palavras se você aceitar as minhas.

Att. Juliane Bastos


Designer por Juliane Bastos e Pâmella Ferracini exclusivamente aos 3 anos do blog.